REFLEXÃO – Quinta feira – 21ª. Semana comum – Ano A 28/08/2014

REFLEXÃO - Quinta feira - 21ª. Semana comum - Ano A 28/08/2014

REFLEXÃO - Quinta feira - 21ª. Semana comum - Ano A 28/08/2014 Amados irmãos e irmãs “Vigiai, pois, porque não sabeis a hora em que virá o Senhor”. No jargão militar vigiar significa estar de prontidão, sempre pronto a atuar. Quem assim age não será surpreendido e nada o assustará. Jesus não fez este discurso para amedrontar, mas sim para revelar o mistério da salvação de Deus e motivar em … [Leia Mais...]

REFLEXÃO – Quarta feira da 21ª. Semana Comum – Ano A 27/08/2014

REFLEXÃO – Quarta feira da 21ª. Semana Comum – Ano A 27/08/2014

REFLEXÃO – Quarta feira da 21ª. Semana Comum – Ano A 27/08/2014 Amados irmãos e irmãs Disse Jesus: "Ai de vós, escribas e fariseus hipócritas! Sois semelhantes aos sepulcros caiados: por fora parecem formosos, mas por dentro estão cheios de ossos, de cadáveres e de toda espécie de podridão”. Quando falamos de farisaísmo precisa ficar bem claro que se trata de atitude incoerente, da falsidade e … [Leia Mais...]

REFLEXÃO – Terça feira da 21ª. Semana comum – Ano A 26/08/2014

REFLEXÃO – Terça feira da 21ª. Semana comum - Ano A 26/08/2014

REFLEXÃO – Terça feira da 21ª. Semana comum - Ano A 26/08/2014 Amados irmãos e irmãs “Guias cegos! Filtrais um mosquito e engolis um camelo”. Hipócrita é a palavra para dizer do ator de teatro que representa uma peça. A hipocrisia dos escribas e fariseus consiste em dizer uma coisa e fazer outra. Jesus vai chamar a atenção para a exagerada preocupação com o exterior, com as aparências que não … [Leia Mais...]

REFLEXÃO – Segunda feira da 21ª. Semana comum – Ano A 25/08/2014

REFLEXÃO – Segunda feira da 21ª. Semana comum – Ano A 25/08/2014

REFLEXÃO – Segunda feira da 21ª. Semana comum – Ano A 25/08/2014 Amados irmãos e irmãs "Ai de vós, escribas e fariseus hipócritas! Vós fechais aos homens o Reino dos céus. Vós mesmos não entrais e nem deixais que entrem os que querem entrar”. Quantos e quantos de nós às vezes nos tornamos pedra de tropeço para os nossos irmãos; por acharmos que sabemos muito e o outro nada. É como um cego … [Leia Mais...]